Grupo de torcedores do Esportivo invade vestiário dos jogadores após derrota contra o Brasil de Farroupilha

A diretoria do Brasil de Farroupilha emitiu uma nota de repúdio aos atos de vandalismo. Esportivo se comprometeu a restituir os danos e também anunciou a demissão do treinador Gustavo Papa

Publicado por
14:18 - 20/06/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Grupo de torcedores do Esportivo invade vestiário após derrota contra o Brasil de Farroupilha

Foto: Reprodução/Redes Sociais

Na noite de quarta-feira (19), após a derrota do Esportivo por 2 a 1 para o Brasil de Farroupilha no Estádio das Castanheiras, torcedores do Alviazul causaram tumulto. Imagens de câmeras de videomonitoramento, que circulam nas redes sociais, mostram os torcedores do Esportivo danificando o acesso ao vestiário e invadindo a estrutura para confrontar jogadores e a comissão técnica. A derrota afastou o Esportivo da zona de classificação à próxima fase do Gauchão Série A2 no grupo A, embora o time de Bento Gonçalves tenha uma partida a menos.

Na manhã desta quinta-feira (20), a Sociedade Esportiva Recreativa e Cultural Brasil de Farroupilha emitiu uma nota de repúdio. O comunicado destaca que a referida torcida depredou partes do estádio, danificando grades de proteção, banheiros, cadeiras e outros mobiliários. Além disso, os torcedores invadiram e depredaram o vestiário de sua própria equipe, agredindo atletas e funcionários. Segue a íntegra da nota:

“A Sociedade Esportiva Recreativa e Cultural Brasil de Farroupilha vem a público manifestar com veemência o seu total repúdio aos atos de vandalismo e violência praticados pela torcida do Clube Esportivo de Bento Gonçalves na noite da quarta-feira, dia 20 de junho, no Estádio das Castanheiras na partida entre ambas as equipes.

A referida torcida depredou e vandalizou parte do estádio, danificando grades de proteção, banheiros, cadeiras e mobiliário do estádio. Além de ao final da partida, invadir e depredar o vestiário de sua própria equipe, agredindo atleta e funcionários da agremiação.

A direção de patrimônio da SERC BRASIL realizou uma avaliação ainda na noite de ontem, contabilizando os danos e prejuízos no Estádio das Castanheiras.

A Serc Brasil reafirma que não compactua com qualquer ato violento e de vandalismo e zela pela paz nos estádios e fora dele.”

Elenir Luiz Bonetto – Presidente

No início da tarde desta quinta-feira (20), o Clube Esportivo de Bento Gonçalves também se manifestou nas redes sociais. O clube repudiou a violência e se comprometeu a restituir os danos causados pelos torcedores. Segue a íntegra da nota:

“O Clube Esportivo, de Bento Gonçalves, vem a público manifestar que não compactua com atos de violência.

Repudia toda e qualquer ação violenta.

Sobre possíveis danos ocasionados no incidente ocorrido na noite da quarta-feira (19), no Estádio das Castanheiras, o Esportivo informa que já solicitou a direção do Brasil-FA, que tome as medidas protocolares cabíveis e se compromete a restituir os danos.”

Demissão do Treinador Gustavo Papa

Também nesta quinta-feira (20), o Esportivo anunciou a demissão do treinador Gustavo Papa, que estava no comando desde o início da temporada 2024. Para a próxima partida contra o Passo Fundo, no domingo (23), na Montanha dos Vinhedos, a equipe será dirigida por um treinador interino. A direção do clube está em busca de um novo técnico que atenda ao perfil desejado, que será definido nos próximos dias.

Confira abaixo imagens capturadas no momento em que os torcedores acessam o vestiário do Esportivo:

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp