Convenção da Agas encerra com R$ 16 milhões comercializados, em Bento Gonçalves

Evento supermercadista contou com a participação de 3,5 mil participantes e 170 expositores. Próxima edição deve ser na cidade.

Publicado por
22:26 - 10/04/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Convenção da Agas

Sob a direção de Longo, equipe da Agas comemora o êxito do evento

A Convenção Regional da a Associação Gaúcha de Supermercados (Agas) encerrou na noite desta quarta-feira (10) com propósitos plenamente alcançados. O presidente da entidade, Antônio Longo, que reside e trabalha em Bento Gonçalves, diz ter realizado um sonho. e que vai atender ao pedido da comunidade local e da rede de fornecedores: em 2025, a Convenção deve se repetir na cidade.

Na avaliação da diretoria da Agas, a Fundaparque atendeu a todas as necessidades do evento. A cidade dispõe de boa rede hoteleira e os supermercadistas de todo o estado compareceram. Foram 3,5 mil participantes, entre profissionais e visitantes. Os 170 expositores contabilizaram R$ 16 milhões em negócios. Por outro lado, a cidade se beneficiou com o movimento de visitantes, que proporcionaram bom índice de ocupação de hotéis e restaurantes.

O evento, que iniciou com a divulgação do Ranking Agas, na noite de segunda-feira (08), se estendeu por mais dois dias propiciando aperfeiçoamento profissional. Nos corredores da feira, muitos contatos entre os profissionais do setor e vendas – foram mais de 9 mil cupons distribuídos a quem realizasse alguma compra. Eles davam direito a um carro zero quilômetro, e o vencedor foi o Supermercado Righi, de Santana do Livramento.

Segundo revelou Longo, a 60ª edição da Convenção Supermercadista voltará a ser em Bento Gonçalves, justamente, no ano de comemoração dos 150 anos da imigração italiana. O anúncio oficial deve ocorrer em 21 de maio, em local a ser definido.

Menarosto de frango e polenta foram atração de encerramento

Tomando  todos os cuidados, Longo não desmente que há uma possibilidade de no futuro a cidade vir a receber a Expoagas, em virtude das dificuldades de espaço e de estacionamento que os pavilhões da da Fiergs apresentam. Ele destacou ainda sobre a edição deste ano, a emoção e beleza do jantar de abertura com inúmeras homenagens, muita representatividade. A agroindústria e a gastronomia também local também foram destaque junto com as vinícolas e cachaçarias da região. Depois do jantar de abertura, na noite de terça o prato principal foi a polenta e na noite de quarta o galeto a menarosto.

Longo e Francisco Schmidt com Mariana Gasperin

Longo não se furtou a adiantar que após reunião entre entidades, deputados e o Governo do Estado, nesta quinta-feira deve ser anunciada uma nova medida para o impasse das contas do Estado. Lembrou que, no encontro, o dedo foi apontado aos deputados que sempre aprovaram novas dívidas aprofundando a situação de insolvência do estado e que por isso têm responsabilidade na resolução da questão.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp