Bento Gonçalves registra geração de 490 empregos em abril

Juntos, a indústria e os serviços foram responsáveis por quase 70% das vagas de trabalho abertas no município

Publicado por
11:11 - 10/06/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Bento Gonçalves registra geração de 490 empregos em abril

Foto: Divulgação/CIC-BG

Todos os setores econômicos de Bento Gonçalves registraram um significativo aumento na geração de postos de trabalho em abril, com destaque para a indústria e os serviços, que juntos foram responsáveis por quase 70% das 490 vagas abertas no município. Segundo o Observatório da Economia (Oecon) do Centro da Indústria, Comércio e Serviços (CIC-BG), este resultado posicionou o município com o sexto melhor desempenho no Rio Grande do Sul.

De acordo com o recente boletim do Oecon, a indústria foi um dos principais motores desse crescimento, gerando 185 vagas, impulsionada principalmente pela fabricação de móveis, que sozinha criou 126 postos de trabalho. O setor de serviços também teve uma contribuição significativa, criando 152 empregos, com destaque para a área de transporte terrestre, que adicionou 46 vagas.

A construção civil, após um saldo negativo em março (-2), teve um abril robusto, gerando 80 vagas, das quais 59 foram em serviços especializados para construção. O comércio também apresentou seu melhor desempenho em 2024, criando 69 vagas, com grande contribuição dos setores de supermercados (21) e de produtos farmacêuticos (19).

O mês de abril foi o melhor do ano para todos os setores, exceto para a indústria, que teve seu pico em janeiro com a criação de 425 vagas. Com os números de abril, Bento Gonçalves avançou em outros indicadores.

“O município tem agora o 9º melhor desempenho dentre todos no RS no acumulado do ano, com 1.441 empregos gerados. Isso representa um crescimento de 111% quando comparado ao mesmo período de 2023”, afirma o autor do boletim, Fabiano Larentis.

Houve também um aumento na massa laboral, com o total de postos de trabalho alcançando 50.043 em abril. “É o maior volume da série histórica, 3% superior ao fechamento de 2023”, observa Larentis. O número de Microempreendedores Individuais (MEIs) permaneceu praticamente inalterado, fechando em 12.560 em abril, similar ao de 2023.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp