Aulas na Rede Estadual serão retomadas gradualmente após enchentes

Aulas na Serra e na capital ainda não tem uma data de retorno definida

Publicado por
20:01 - 05/05/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Foto: Pexels

Na tarde deste domingo (5), a Secretaria da Educação (Seduc) realizou uma importante reunião com os 30 coordenadores regionais de educação, visando definir o plano de retorno às aulas para os estudantes da Rede Estadual. A decisão foi tomada levando em consideração o impacto das enchentes em diferentes regiões do estado.

Conforme o resultado do encontro, ficou estabelecido que as aulas retornarão a partir da próxima terça-feira (7) para os alunos das seguintes Coordenadorias Regionais de Educação (CRE): Uruguaiana (10ª CRE); Osório (11ª); Erechim (15ª); Rio Grande (18ª); Palmeira das Missões (20ª); Três Passos (21ª); São Luiz Gonzaga (32ª); São Borja (35ª); e Ijuí (36ª).

Essas regiões foram selecionadas por terem sido menos impactadas pelas recentes enchentes, o que as torna aptas a retomar as atividades escolares já na metade da semana. No entanto, antes do retorno dos alunos, os docentes e equipes diretivas dessas localidades estarão reunidos na segunda-feira (6) para atividades de planejamento e alinhamento das orientações para a retomada.

Por outro lado, nas coordenadorias que abrangem as regiões de Porto Alegre (1ª CRE), São Leopoldo (2ª), Estrela (3ª), Guaíba (12ª), Cachoeira do Sul (24ª) e Canoas (27ª), ainda não há previsão de retorno às aulas.

Uma nova reunião está agendada para segunda-feira (6) com o objetivo de avaliar a situação das demais coordenadorias, que incluem municípios como Caxias do Sul (4ª), Pelotas (5ª), Santa Cruz do Sul (6ª), Passo Fundo (7ª), Santa Maria (8ª), Cruz Alta (9ª), Bagé (13ª), Santo Ângelo (14ª), Bento Gonçalves (16ª), Santa Rosa (17ª), Santana do Livramento (19ª), Vacaria (23ª), Soledade (25ª), Gravataí (28ª) e Carazinho (39ª).

A Seduc, em conjunto com a Secretaria de Obras Públicas e suas regionais, segue monitorando de perto a situação das escolas nos municípios afetados pelas chuvas, por meio do levantamento realizado pelas CREs. Segundo os últimos dados, das 2.338 escolas estaduais, 733, em 229 municípios, foram afetadas de alguma forma pelas chuvas, com 278 delas sofrendo danos.

Rede Estadual

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp