Pai de Janja morre, aos 83 anos, por falência múltipla de órgãos, informa governo

Em nota, Palácio do Planalto pediu respeito à privacidade da família no momento

Publicado por
15:25 - 11/04/2024

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Foto: Claudio Kbene / PR / CP

O pai da primeira-dama, Janja da Silva, José Clóvis da Silva, faleceu na noite da quarta-feira, 10, em Curitiba, no Paraná, informou assim o governo federal. Aos 83 anos, José Clóvis morreu por falência múltipla de órgãos. Até o momento, Janja não se manifestou sobre o assunto.

Em nota de pesar divulgada pelo Palácio do Planalto e assinada pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, o chefe do Executivo pede que “respeitem a privacidade neste momento”.

Em 2020, a mãe da agora primeira-dama, Vani Terezinha Ferreira, morreu inesperadamente em São Bernardo do Campo, em São Paulo, por complicações decorrentes da covid-19.

Vani havia contraído a doença após precisar passar por uma internação por uma infecção urinária.

As agendas do presidente Lula (PT), contudo, estão mantidas. Dessa forma, nesta tarde ele inaugura a pedra fundamental de um instituto federal na comunidade Sol Nascente, no Distrito Federal. Amanhã (12), deverá ir a Campo Grande e a São Paulo.

Leia a íntegra da nota divulgada pelo Palácio do Planalto:

Venho, através desta, confirmar o falecimento de seu José Clovis da Silva, 83 anos, pai da minha esposa Janja Lula da Silva, na noite de ontem (10), em Curitiba, por falência de múltiplos órgãos.

Em respeito a seu Clovis, a Janja e à família, peço que respeitem a privacidade deste momento.

Luiz Inácio Lula da Silva,

presidente da República

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp