Ministério da Agricultura decreta emergência zoossanitária após casos de gripe aviária no país

Segundo o Ministério da Agricultura e Pecuária, vírus influenza aviária H5N1 foi detectado em aves silvestres no país.

Publicado por
23:12 - 22/05/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Ministério de Agricultura e Pecuária declarou nesta segunda-feira, 22,  emergência zoossanitária em todo o Brasil por 180 dias. A medida ocorre após o surgimento de casos da doença no país e foi publicado no Diário Oficial da União. O vírus influenza aviária H5N1 foi detectado em aves silvestres no país.

“A declaração de estado de emergência zoossanitária possibilita a mobilização de verbas da União e a articulação com outros ministérios, organizações governamentais – nas três instâncias: federal, estadual e municipal – e não governamentais. Todos esse processo é para assegurar a força de trabalho, logística, recursos financeiros e materiais tecnológicos necessário para executar as ações de emergência visando a não propagação da doença”, disse o ministro Carlos Fávaro.

Segundo a pasta, o vírus possui alta patogenicidade. Isso significa que ele pode causar alterações nos organismos dos infectados. O órgão também confirmou mais três casos positivos da doença em animais silvestres, mas nenhum em humanos. De acordo com a pasta, os três casos estavam sendo investigados desde a semana passada no Espírito Santo. No total, são oito casos confirmados em aves silvestres, sendo sete no Espírito Santo e um no Rio de Janeiro. A pasta alerta para que a população que não recolham as aves que encontrarem doentes ou mortas e acione o serviço veterinário mais próximo para evitar que a doença se espalhe.

 

Fonte: Jovem Pan

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp