Campinas confirma quarta morte por febre maculosa, investiga novos casos e decreta surto da doença em fazenda

Nova vítima fatal trata-se de uma jovem de 16 anos, que também compareceu ao evento na Fazenda Santa Margarida, no dia 27 de maio

Publicado por
11:34 - 15/06/2023

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp
Campinas confirma quarta morte por febre maculosa, investiga novos casos e decreta surto da doença em fazenda

Banco de imagens/Pixabay

A Secretaria de Saúde de Campinas confirmou a quarta morte por febre maculosa, nesta quinta-feira, 15. A nova vítima fatal é uma jovem de 16 anos, que também compareceu ao evento na Fazenda Santa Margarida, no dia 27 de maio, do qual participaram outras três pessoas que vieram a óbito em consequência de complicações da doença. Em nota, a pasta informou que foi notificada de mais um caso suspeito contraída no município e contabiliza, até o momento, seis registros no total – quatro estão confirmados, enquanto outros dois estão em investigação. Em razão das novas atualizações, a Secretaria decretou a ocorrência como um surto de febre maculosa na Fazenda Santa Margarida, no Distrito de Joaquim Egídio, na Zona Leste da cidade. O local é mapeado como área de risco.

A Prefeitura de Campinas ainda lembrou que contabiliza mais duas mortes por febre maculosa neste ano, mas que não estão ligadas à festa na fazenda do fim de maio. Por causa do novo acontecimento, a Secretaria de Saúde anunciou uma série de medidas no combate à doença que tem o carrapato-estrela como vetor, sendo elas: publicação de decreto com regras para estabelecimentos que realizam eventos para grandes públicos em áreas de risco; reforço nas informações para médicos e outros profissionais de saúde; vídeos educativos para ampla publicação; reforço nas ações de comunicação, informação e mobilização contra a febre maculosa nas áreas de risco e nos parques públicos; inclusão das zoonoses no Comitê de Enfrentamento das Arboviroses do município; alerta para as vigilâncias em saúde sobre pessoas que frequentaram eventos na Fazenda Santa Margarida e venham a apresentar sinais e sintomas da doença; e medidas específicas para a fazenda envolvida no surto, como exigência de um plano de contingência ambiental e de comunicação.

Casos de febre maculosa nas últimas semanas:

– Mulher de 36 anos, de São Paulo. Morreu dia 8 de junho – caso confirmado;
– Homem de 42, de Jundiaí. Morreu dia 8 de junho – confirmado;
– Mulher de 28 anos, de Hortolândia. Morreu dia 8 de junho – confirmado;
– Adolescente de 16 anos, de Campinas. Morreu dia 13 de junho – confirmado;
– Mulher de 40 anos, de Hortolândia. Segue internada – em investigação;
Estas cinco pessoas acima frequentaram a Fazenda Santa Margarida no dia 27 de maio.
– Mulher de 38 anos, de Campinas. Segue internada – em investigação. Frequentou evento na mesma fazenda em 3 junho.

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp