Vereadores vão a Brasília discutir caso Magnabosco com parlamentares gaúchos

0
512
divulgação

O presidente da Comissão de Constituição, Justiça e Legislação (CCJL) do Câmara de Vereadores de Caxias do Sul, parlamentar Adiló Didomenico (PTB) e o integrante da comissão, vereador Felipe Gremelmaier (MDB) viajaram para Brasília nesta terça-feira (19).

Os parlamentares foram à capital federal no intuito de conversar com os deputados e senadores gaúchos para que eles influenciem os ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) para tomar uma decisão favorável ao município de Caxias no caso Magnabosco.

O julgamento da ação rescisória do processo acontece no dia 27 de março e será acompanhado de perto pelos vereadores caxienses integrantes da CCJL.

O ação mobiliza o Legislativo Caxiense, pois, caso a ação rescisória seja julgada improcedente, a prefeitura vai ter que pagar cerca de R$ 620 milhões para a família Magnabosco. O valor equivale a 31% do orçamento de Caxias do Sul para este ano, que é de mais de R$ 1,9 bilhão.

COMPARTILHAR

LEAVE A REPLY