Valentin: o olhar de um sonho!

0
1628
(Foto: Arquivo Pessoal)

Valente, forte, vigoroso e cheio de saúde, este é o significado do nome Valentin, que expressa muito bem a história de um menino de 12 anos que você vai conhecer a partir de agora.

Há quatro anos morando no bairro Ferroviário, em Garibaldi, Valentin, seu irmão Felipe, de 7 anos, e seus pais, Jonny Alzeibar e Valéria Natália Cantti Gutierrez, vieram do Uruguai em busca de novas oportunidades.

Apesar da pouca idade, o garoto sempre soube o que queria para a sua vida: ser jogador de futebol. O talento do menino, seja no campo ou na quadra, estava conquistando o reconhecimento por meio de medalhas e troféus. Tudo apontava para um futuro promissor no esporte, até o valente Valentin receber a notícia de que a qualquer momento poderia ficar cego.

Valentin carrega desde os três anos de idade uma doença chamada Artrite Reumatóide Juvenil, que até então, parecia ter sido amenizada. Porém, há dois anos, reflexos da doença inflamatória retornaram, mas desta vez não mais com dores no joelho ou nos quadris. Agora, o problema desencadeou Uveítes e Glaucoma nos olhos.

Desempregado, Jonny vive integralmente para o filho, que há um mês, mais ou menos, também passou a sofrer convulsões. Proibido de fazer esforços físicos, o menino que antes vivia para o futebol, agora passa o seu tempo de casa para os consultórios, em busca de tratamentos que lhe ajudem a não perder a visão. O pai conta que nos últimos dias o que mais anima Valentin é ir à escola Cairú, onde recebe o apoio dos coleguinhas.

Valéria, que trabalha na casa do casal Edriane e Agostinho Giovanaz, diz que o apoio dos patrões e o auxílio da comunidade estão dando forças para a família seguir adiante e ir em busca da melhora na saúde do filho.

Apesar de terem recebido diagnósticos negativos quanto a melhora do filho, os pais estão lutando com todas as forças para encontrarem uma saída que possa contribuir para que Valentin continue olhando para o futuro e fazendo muitos gols. Agora, a esperança está em uma consulta agendada para abril, em São Paulo, com um especialista em Uveítes e Artrite.

(Foto: Felipe Vicari)

No entanto, somente o primeiro atendimento custa R$ 1100,00. Desta forma, a família, que esteve na Rádio Serrana 106.1 FM, iniciou uma campanha para arrecadar fundos que possam arcar a consulta médica, além dos exames que virão pela frente e, até mesmo, possíveis tratamentos.

Colaborações pode ser feitas pelo site, https://www.vakinha.com.br/vaquinha/482624, e na conta de Valéria, 35.095-8, agência 0465-0 do Banco do Brasil. Mais informações, (54) 9 9691-1403.

Confira a história completa do valente Valentin, aqui.

COMPARTILHAR

LEAVE A REPLY