Questionamentos sobre o concurso devem ser direcionados à Fundação La Salle

0
402

O concurso público para o preenchimento de cargos públicos no Executivo de Bento Gonçalves segue envolvimento em transtornos. Na última quarta-feira, 1º de agosto, data marcada para a publicação do edital, o horário previsto para que o mesmo fosse divulgado pela Fundação La Salle não foi respeitado e ainda houve registro de problemas de acesso no site da instituição, que é responsável pelo processo seletivo.

Mesmo após a regularização da publicação dos quatro editais que compõem o concurso, a Prefeitura de Bento ainda recebe questionamentos sobre especificidades de funções.

Conforme o Secretário de Administração Ivan Toniazzi as dúvidas, questionamentos e impugnações devem ser formalizadas, somente para a Fundação La Salle responsável pela administração do processo seletivo.

Para o concurso da Guarda Municipal 1600 pessoas se inscreveram, embora muitas delas não tenha efetivado o pagamento da inscrição. Os outros três concursos, cuja publicação do edital é mais recente poderá ser divulgada uma prévia do número de inscritos, na sexta-feira, 10.

Os concursos possuem duas motivações. A diminuição de cargos terceirizados e recomposição do quadro funcional em função de aposentadoria. Em um ano, a prefeitura diminuiu 200 cargos terceirizados e em 2017, 132 servidores se aposentaram.

Este ano, até julho, 77 servidores solicitaram aposentadoria. Conforme Toniazzi, em 2017 o número de Cargos em Comissão (CCs) era de 121 e, neste ano, houve uma ligeira diminuição para 118 servidores.

COMPARTILHAR

LEAVE A REPLY