Quanto custou cada voto no Brasil?

0
328

Você sabe quanto os candidatos à Presidência da República investiram na campanha e quanto cada voto recebido nas urnas custou? O maior investimento foi feito pelo ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles (MDB). Com uma fortuna estimada em R$ 377 milhões, Meirelles gastou R$ 53 milhões na campanha. O candidato do MDB teve 1,2 milhão de votos e, em média, cada voto custou R$ 41,00. Este é o pior custo-benefício entre os 13 postulantes no 1° turno.

Na sequência vem Geraldo Alckmin (PSDB). Com investimento de R$ 51 milhões, o tucano teve 5,096 milhões de votos. O número representa que cada vez que o eleitor apostou em Alckmin, o custo médio foi de R$ 10.

Já o melhor desempenho conforme dados registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) foi do Cabo Daciolo (Patriota), que gastou R$ 808 e conseguiu 1,3 milhão de votos, gerando um custo médio de R$ 0,0005 por voto.

Liderando no primeiro turno, Jair Bolsonaro (PSL), teve o segundo melhor desempenho: foram 2 centavos por voto. Ele conseguiu 49 milhões de eleitores, tendo gasto R$ 1,2 milhão em despesas de campanha (R$0,02 p/ voto). Fernando Haddad (PT) e João Amoêdo (Novo), gastaram R$ 0,38 por voto. Ciro Gomes (PDT), R$ 0,60 cada voto.

João Goulart Filho (PPL), que gastou durante o período eleitoral R$ 424 mil, teve 30 mil votos – média de R$ 14,00 por voto.

Os candidatos ainda podem declarar gastos.

Compartilhar

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.