IPTU em Bento será reajustado pelo IGP-M: 7,54%

0
738

A Secretária de Finanças do Município, Mariana Largura, confirma que deve ser publicado decreto entre hoje e amanhã fixando o novo valor da URM – Unidade de Referência do Município, que se baseia no Índice Geral de Preços – Mercado ( IGP-M). A URM passará a valer R$129,36. Já o IGP-M acumulado do ano, apesar de apresentar deflação nos meses de novembro e dezembro, ficou em 7,54% e este é o índice a ser aplicado nos carnês de IPTU que serão impressos ainda no mês de janeiro. São aproximadamente 75 mil carnês a ser remetidos em tempo hábil pelos correios até a casa do contribuinte. Desta forma se confirma a informação de não haver reajuste de preço no imposto, mas apenas a atualização pelo índice fixado em lei.

Em resposta a queixas de cidadãos que alegam não estar conseguindo imprimir documentos e guias na página da Prefeitura – isso realmente não vem sendo possível conforme checou o Leouve – a Secretária Mariana afirma que as pessoas devem se dirigir à Secretaria e lá o documento será impresso.

As dificuldades que vem sendo enfrentadas desde o início do mês de dezembro de 2018, devem-se a uma nova “parametrização” dos sistemas. No final de novembro a empresa Delta deixou de ser responsável pelos sistemas de TI da Prefeitura. A catarinense IPM foi a vencedora da licitação e a prefeitura precisou anular na justiça a impugnação feita por empresa concorrente. Assim, a IPM passou a realinhar todos os programas e o trabalho é intenso, justifica Mariana: “temos mais de 200 contas, 100 fontes de recursos, 30 mil cadastros de ISSQN e 75 mil cadastros de IPTU. O trabalho vem sendo intenso, mas o contribuinte pode ficar tranquilo porque os carnês do IPTU estarão chegando em tempo hábil”, garante.

COMPARTILHAR

LEAVE A REPLY