NEGÓCIOS EM ANDAMENTO

Inovação e trabalho são destacados na abertura da Movelsul Brasil 2018

GERSON LENHARD -     
0
261

Otimismo sem desconsiderar que para a obtenção de bons resultados é preciso muito trabalho. Este foi o principal mote no discurso de boas vindas do presidente da Movelsul Brasil 2018, Edson Pelicioli na abertura da feira na tarde desta segunda-feira,12. O valor do trabalho permeou todo o pronunciamento do presidente do Sindmóveis, Edson Pelicioli. Falando para o governador José Ivo Sartori, para o prefeito Guilherme Pasin, demais autoridades e inúmeros expositores, o presidente da Movelsul Brasil 2018 destacou que o sentimento de otimismo do expositor é um reflexo do extenuante trabalho que a organização da feira teve nesses dois anos de planejamento e que culminou na reinvenção da feira, com novos projetos de fomento aos negócios e geração de conhecimento com o Fórum Movelsul.

“Uma feira do porte da Movelsul Brasil é muito mais que um evento de quatro dias para a indústria moveleira. Por trás de cada edição, existe um tremendo trabalho para gerarmos uma percepção positiva sobre o móvel brasileiro em torno da competitividade, da inovação e da eficiência em gestão”, salienta.

Pelicioli destacou ainda o protagonismo do Sindmóveis Bento Gonçalves na condução da Movelsul Brasil desde 1977. O presidente frisou tratar-se da maior feira do setor moveleiro nacional, organizada pela indústria moveleira e para a indústria moveleira.

“Somos um setor que emprega, que produz e que gera a verdadeira riqueza. A nossa resposta em qualquer situação é sempre o trabalho. Lugares precisam de pessoas para terem vida e de móveis para terem uso. Quem precisa de móveis, precisa que continuemos produzindo sempre”.

 Protagonismo reconhecido 

Antonio Longo, da Agas e o deputado federal Mauro Pereira

Reconhecendo o forte potencial da feira para o mercado internacional, o representante da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), Maurício Manfre destacou que menos de 0,5% da produção moveleira é exportada. Ele salienta que a Apex-Brasil apoia o setor moveleiro desde 1977, com projetos exitosos em parceria tanto com o Sindmóveis quanto Abimóvel. Pontos fortes da indústria moveleira, segundo Manfre, são a capacidade produtiva, diversidade de produtos e custo-benefício com tecnologia presente.

“O Brasil concorre num cenário absolutamente competitivo, então temos como desafio sermos reconhecidos como lançadores de tendências. Um planejamento para o mercado internacional deve estar presente no planejamento do empresário, pois a cultura exportadora é fundamental . Queremos ser reconhecidos comparativamente com os grandes do mundo. Se não estivermos prontos a agir internacionalmente, os concorrentes o farão”, estimula Manfre.

Em seu pronunciamento, o governador do estado do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, salientou que a Movelsul Brasil tornou-se uma referência para o Brasil e que nesses tempos de transformação o Estado conta com a força de empreendedores como os do setor moveleiro.

“É verdade que tivemos tempos difíceis, mas também é verdade que podemosver sinais da retomada. Sabemos que essa travessia não terminou, mas as sementes que o empreendedor plantou começam a dar frutos, como a tecnologia e os investimentos em inovação”, pontua.

Na mesma linha, o prefeito de Bento Gonçalves Guilherme Pasin reforçou que a feira é um grande marco na virada de página para o entendimento Brasil que temos e o Brasil que queremos.

Feira de Móveis e complementos para o lojista e especificador

Quando: 12 a 15 de março de 2018, das 12 às 20h

Onde: Parque de Eventos de Bento Gonçalves (alameda Fenavinho, 481)

Entrada gratuita mediante credenciamento. Aberta apenas ao público profissional (lojistas, representantes, arquitetos, designers, decoradores, importadores, profissionais da construção civil e imprensa)

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.