Bento Vôlei acerta parceria mas pode não jogar Superliga em Bento Gonçalves

A participação do Bento Vôlei na Superliga 2017/2018 por meio de uma parceria se torna cada vez mais viável.Leia mais…

Publicado por
15:37 - 02/08/2017

Compartilhar:

Facebook Twitter Whatsapp

Diretoria firmou parceria com o Minas Tênis Clube, de Belo Horizonte. (Foto: Bento Vôlei)

A participação do Bento Vôlei na Superliga 2017/2018 por meio de uma parceria se torna cada vez mais viável.

Segundo o diretor executivo da equipe, Rafael Fantin, o Dentinho, trata-se de uma parceria com o Minas Tênis Clube, de Belo Horizonte, que vai ceder por empréstimo de 10 a 12 atletas do seu grupo, especialmente jovens que não teriam espaço no time principal, para atuarem pelo Bento.

Por outro lado, Dentinho relata que existem grandes dificuldades para manter o Bento Vôlei atuando em Bento Gonçalves.

“Precisamos alcançar um valor financeiro para gente conseguir fazer com que os jogos aconteçam em Bento. Caso contrário, vamos ter que jogar em outra cidade para viabilizar a participação na Superliga”, explica.

De acordo com o diretor, o interesse total da equipe é atuar na cidade, porém, existe uma proposta para que todos os jogos da Superliga sejam realizados em uma outra cidade ainda não divulgada.

“O interesse total do Bento Vôlei é fazer os jogos da Superliga em Bento, mas hoje existe uma proposta concreta de jogar todos os jogos em uma outra cidade. Nesses próximos dias vamos tentar buscar as parcerias que estão em aberto. Hoje não temos um patrocinador sequer. Não pensamos isso como primeira opção, vamos fazer o máximo para ficar em Bento”, conta.

De acordo com a diretoria é necessário pelo menos R$ 600 mil para que se custeie a manutenção do plantel, viagens e outras demandas.

Ouça a matéria completa:

Compartilhe nas suas redes

Facebook Twitter Whatsapp