TÁNATAÇA

Para todo amante de cerveja artesanal, sempre há um vinho

DEISI DA COSTA -     
0
74

As classificações de cervejas, assim como os vinhos, variam de acordo com a estrutura e estilo, e para todos que apreciam uma boa cerveja, sempre há um bom vinho. Mas para isso, precisamos medir o estilo da cerveja e associar com determinadas uvas.

Família Lager: Pilsen, Bock, e etc.

Família Ale: Wheat, Pale Ale, Belgium Ale, IPA e Porter.

Lager & Pilsen, são mais refrescantes e não tão aromáticas, ou seja um espumante do estilo CAVA (Espanha) vai muito bem, devido as borbulhas e refrescância, tornando fácil de degustar e harmonizar com muitos pratos.

Wheat, é uma cerveja cremosa, macia e as vezes com leve doçura, é um tipo de cerveja com rica refrescância. E para ela, um Chardonnay com passagem por madeira, que traz a refrescância de alguns aromas cítricos, porem a cremosidade e textura toma conta do paladar, devido ao envelhecimento do carvalho.

Pale Ale, um pouco mais de corpo, porém ainda com um amargor controlado, se associa com um vinho Pinot Noir através da boa acidez e estrutura, este vinho ainda é leve devido aos poucos taninos. Podendo ser consumido em temperaturas mais baixas.

Belgium Ale, boa estrutura, o álcool é mais alto, notas adocicadas e algumas vezes toques de especiarias. Neste caso vamos de Shiraz com seu frutado e leve toque defumado, apesar de ser um vinho encorpado, traz o agradável palato preenchido por especiarias e notas maduras de frutas negras.

IPA, encorpada, complexa, pode ser doce e frutada em meio ao amargor. Sendo assim, vamos de Carmenère, que tem ótimo equilíbrio entre doçura e taninos, com um toque herbáceo trazendo o amargor de folhas verdes.

Porter, os amantes da mesma, gostam de um Q a mais no paladar, as vezes complexa ou terrosa, essa cerveja agrada quem quer algo diferente, e por isso um bom tinto de Bordeaux (corte francês de uvas), vai bem com o nível maduro de taninos, álcool médio e suas notas de terra molhada.

Essas foram as dicas das cervejas artesanais mais consumidas de cada estilo, e claro existem muitos outros, além dos clássicos. Então, fica a dica para a cervejeiros e vinhateiros. Por mais cerveja e vinho de qualidade.

Cheers!!!

Deixe uma resposta