INSEGURANÇA

Motoristas de vans protestam pedindo mais segurança para trabalhar em Caxias

RICARDO DE SOUZA -     
1
464

Cerca de 100 motoristas de vans protestaram em frente à prefeitura de Caxias do Sul na manhã desta quarta-feira, dia 6. Os trabalhadores saíram do bairro Jardelino Ramos por volta das 9h30min e se deslocaram até o centro administrativo, onde pediram mais segurança para trabalhar. O prefeito Daniel Guerra agendou uma reunião com representantes da categoria para tratar do tema. O encontro está marcado para a próxima quarta-feira.

Fiscais da Secretaria Municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMTTM) orientaram o trânsito e uma faixa da Alfredo Chaves ficou livre para o fluxo de veículos durante o protesto.

De acordo com Luis Antônio Ferraz Lima, o Tonicão, um dos organizadores do movimento, a manifestação não tem como foco uma crítica ao prefeito Daniel Guerra. Ele argumenta que o protesto é uma tentativa de chamar a atenção das autoridades. “Não estamos aqui para culpar alguém, mas sim para pedir. A gente não é de partido, mas queremos segurança. Queremos que as autoridades nos ajudem dentro da segurança”, disse.

Grupo se reuniu em frente ao Centro Administrativo, na rua Alfredo Chaves (Foto: Maicon Rech/Grupo RSCOM)

Por cerca de 20 minutos, os organizadores conversaram com os trabalhadores em frente ao prédio do executivo . A expectativa era de reunir 207 motoristas, mas muitos não compareceram. Após a conversa, alguns condutores foram até a Câmara de Vereadores e, brevemente, manifestaram sua indignação com a atual situação.

Insegurança

No dia 24 de novembro, uma van escolar com cinco crianças foi o alvo de criminosos na rua Aldo Locatelli, no Petrópolis. Um bandido armado desceu de um carro e invadiu a van, mandando o motorista conduzir o veículo até o bairro Serrano. Lá, o trabalhador e as crianças foram soltos pelo criminosos, que fugiu com a utilitário placas CSK-4578. Ninguém ficou ferido.

Essa é a segunda vez que os motoristas de vans protestam este ano em Caxias do Sul. No dia 25 de julho, um ato em frente a prefeitura reuniu cerca de 150 pessoas ligadas ao transporte escolar e fretamento. À época, o poder público divulgou uma nota por meio da Secretaria Municipal de Segurança Pública. O documento dizia: “a Guarda Municipal tem intensificado as ações na cidade com a Operação Cerca Viva, a Operação Nômade e as Rondas Extensivas Municipais Diárias. Essas forças-tarefas, algumas em conjunto com outros órgãos de segurança, têm contribuído para o combate à criminalidade. As vans, assim como outros segmentos da sociedade, são contempladas nesses trabalhos. A Guarda Municipal segue atenta às demandas de Caxias do Sul, reforçando a atuação em situações pontuais, que demandam maior atenção, mas sempre com o foco em toda a comunidade”.

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta