ESTREIA

A morte te dá parabéns! é mistura de Pânico e Feitiço do Tempo

SANI CHIAVENATO -     
0
168

Após o sucesso inesperado e absoluto de ‘Pânico’ nas bilheterias em 1996, o subgênero dos slasher movies voltou a virar moda, e rendeu vários derivados no mesmo estilo, como ‘Eu Sei o Que Vocês Fizeram no Verão Passado’ e ‘Lenda Urbana’, além de várias produções menores que não merecem nem serem citadas. Com o número de produções excessivas, o subgênero se desgastou e abriu portas para outros subgêneros do terror, vide os filmes sobre possessão e a febre dos found-footage, como ‘A Bruxa de Blair‘ e ‘Atividade Paranormal‘. Como um grande fã da franquia ‘Pânico’, eu sentia falta dos filmes sobre assassinos mascarados… mas finalmente temos uma nova produção no estilo com ‘A Morte te dá Parabéns’.

Porém, vale lembrar que o filme não é bem um terror, e se encaixa mais na categoria suspense – temos poucos sustos e mais risadas, mas isso não tira o charme da produção que relembra os clássicos slashers mas ao mesmo tempo satiriza eles. É um deleite para os fãs da franquia ‘Pânico’, afinal, a diversão aqui é tentar descobrir quem está por trás da máscara. ‘A Morte te dá Parabéns’ é um ótimo filme que promete reviver o subgênero esquecido nos anos 90, e definitivamente merece ser visto nos cinemas.

Sinopse: Tree (Jessica Rothe) é uma jovem estudante que trata mal os meninos, desdenha das amigas e não parece estar muito disposta a atender as ligações do pai no dia do aniversário dela. No fim do mesmo dia, no entanto, ela é brutalmente assassinada por um mascarado. Acontece que ela “sobrevive”, ou melhor, acorda no mesmo e fatídico dia, numa espécie de looping macabro, que termina sempre com a morte da garota. Repetir, seguidamente, o mesmo dia, por outro lado, dá a Tree a chance de investigar quem a está querendo morta e o porquê.

Fonte: Cinepop / Foto: Reprodução Internet

 

Deixe uma resposta